Blog

Chile, um país cercado de muitas belezas

Encravado entre o Pacífico e a Cordilheira dos Andes, vale a pena visitar o país mais de uma vez para explorar cada região: seja no inverno ou no verão. De norte a sul você pode conhecer a capital, visitar vinícolas, curtir as praias, aproveitar as pistas de ski e até se surpreender com as belezas naturais das geleiras ou do deserto. Confira esta seleção de destinos chilenos e as melhores épocas do ano para curtir ainda mais sua viagem com a Wissen!


SANTIAGO, JANEIRO A DEZEMBRO

Emoldurada pelos Andes, a moderna e charmosa capital oferece muito mais do que um ponto de parada no país. Reúne o maior arranha-céu da América Latina, cerros com vistas incríveis, atrações históricas, gastronomia convidativa, enoturismo, além de passeios para Cajón del Maipo, um cânion na região metropolitana e ideal para o ecoturismo.

VALPARAÍSO E VIÑA DEL MAR, DEZEMBRO A MARÇO

As cidades litorâneas são vizinhas e estão cerca de 130 km da capital. A histórica e portuária Valparaíso é conhecida pelos cerros com bela vista do mar, por sediar o Congresso do Chile e a moradia do poeta Pablo Neruda. Já Viña del Mar se destaca pela modernidade e orla da praia, além do relógio de flores e o Moai, original da ilha de Páscoa.

ATACAMA, JANEIRO A DEZEMBRO

Considerado o deserto mais seco e o mais alto do mundo, com 4000 m de altitude, está há duas horas de avião de Santiago. San Pedro é o vilarejo de onde saem excursões para as formações rochosas coloridas, os gêiseres, os lagos com bando de flamingos e os banhos de sal, além de ser um dos melhores lugares para observar as estrelas. Embora seja raro no deserto, entre janeiro e março pode chover.

VALLE NEVADO, JUNHO A AGOSTO

É o principal resort de montanha da Cordilheira dos Andes, aberto o ano inteiro e com infraestrutura completa para toda família, combinada à paisagem tranquila e espetacular de uma estação praticamente isolada. Fica a 50 km de Santiafgo, o que permite se hospedar na capital e fazer um passeio de um dia inteiro na estação.

PATAGÔNIA, JANEIRO A DEZEMBRO

No extremo sul do país, a região é a mais selvagem isolada se comparada ao lado argentino. A maior atração é a beleza cênica do Parque Nacional Torres del Paine, declarado Reserva da Biosfera pela Unesco, com imponentes montanhas, lagos turquesa, iceberg e extensos pampas visitados por guanacos e pumas. Está a 4h15 de avião de Santiago e de novembro a março as temperaturas são menos agressivas e os dias mais longos.

Com apoio de Interep.

Cadastrador no Cadastur
© 2018 - 2020 Wissen Viagens.
(47) 3237-3800 | (47) 99137-6800
Desenvolvido com pela Center Designer
Image
(47) 3237-3800 | (47) 99137-6800
Desenvolvido com pela Center Designer
© 2020 Wissen VIagens.